AH! QUE TRISTE! ELE É SURDO!

A tirinha representa algo muito comum no cotidiano dos surdos: frases capacitistas. Strobel (2009) divide a historia dos surdos em 3 fases: revelação cultural, isolamento cultural e o despertar cultural. Na visão ouvintista de mais de 100 anos atrás, o surdo era considerado incapaz, percorreu por fases em que foi oprimido, mas a partir da […]
Saiba mais

NÃO POSSO FALAR SURDO-MUDO?

No decorrer da história, a surdez foi considerada de duas formas: uma patológica e uma cultural. De acordo com todo o contexto da história de surdos, podemos dizer que por muito tempo a palavra surdo-mudo foi aceita e não era considerada pejorativa. Quando a primeira escola de surdos foi fundada no Brasil (1857) seu nome […]
Saiba mais